PREFÁCIO

Quando me separei, em 2005, minha filha tinha apenas um ano e meio. As primeiras postagens falam mais do processo de reconstruir a vida, tanto a vida pessoal quanto a vida de aprendiz de pai sem a presença da mãe. Agora, compartilho algumas descobertas, incertezas, dúvidas e aventuras que aparecem pelo caminho de nós dois. E a cada dia vejo que sou muito sortudo de ter a companhia que tenho.

Bem vindos ao manual do pai solteiro !

quarta-feira, 28 de julho de 2010

SER PAI, SER FILHA



Ser pai de uma menininha é:

. Saber que Barbie é mais sobrenome de boneca do que nome

. Fazer um curso básico de maquiagem

. Entender que a obsessão feminina por roupas e sapatos é inata.

. Saber os diferentes nomes do rosa

. Entender que as mulheres simplesmente não conseguem não seduzir

. Receber beijos carinhosos e abraços apertados sem nenhum motivo

. Começar a misturar as histórias da Branca de Neve e da Bela Adormecida

. Ser careca e ler tudo sobre cabelos cacheados.

. Encontrar bilhetinhos lindos embaixo do travesseiro e adesivos de coração grudados na TV.


Ser menina criada (também) pelo pai é:

. Amar seu time e saber de cor o hino

. Saber usar o computador e o celular desde bem cedo

. Levar revistas em quadrinhos pro banheiro e ficar lá quase meia hora

. Saber se divertir sozinha

. Saber desde sempre que gritar não é a melhor maneira de se comunicar

. Descobrir bem cedo a diferença entre meninos e meninas

. Entender que cerveja é a batata-frita dos adultos

. Não entender porque o pai, sendo careca, tem na gaveta do criado um gel.

. Saber que, existe sim, hora pra bagunça

18 comentários:

J.Falabella disse...

amei....quando é que vira livro? hein?

Noh Gomes disse...

É uma troca única amigo, única.

Adoro seu canto.
Um super beijo

Nina disse...

Que coisa meiga, doce, essa troca!

Lindo post, como sempre, com tanta ternura...

Beijo

(KY????????????????)

danny falabella disse...

eu vi meu ex e a minha filha Sofia. Ele comenta comigo exatamente as coisas que você escreveu (ele tb é careca rsrsrsrs). muito bacana! adoro seu blog.

Luisa Dias disse...

Lindo... lindo... lindo... Lembrei do meu namorado e da sua pequena Carol! E o esquema é o que escreveu com tanta poesia.

Homem de 30 disse...

É meu velho e bom Aggeo, muito bom seu texto. Minha filha mora comigo, meu pai e meu irmão. Três solteirões e a pequena dama.
Me vi no seu texto. Sei tudo sobre shampoos, já sei fazer trança, maquiagem e já estou arriscando dar palpites de moda.
Fazer o que?
Rogério Gonçalves
oquecomi.blogspot.com

disse...

own! Adorei!

Meus pais são divorciados e minha filha de dois anos e 10 meses pergunta por que o vô usa shamphoo se ele é careca.
é... essa eu nao sei responder.



www.mentirasqueasmaescontam.blogspot.com

Liva disse...

Sempre passo por aqui e nunca digo nem 'oi'.
Adoro seu blog. ;)
Bju gde =*

Retratos que me Retratam disse...

Estou longe de ter um filho e saber arotina e a barra de criar um!!!!! Mais amei seus textos e sua maneira lúdica de escrever!!!! Aprovadissímo!!!

Betinhazinha disse...

Que gracinha! Adorei, resolvi "te" seguir!
Beijinho!

João Lucas disse...

Gostei muito do seu blog. Eu vou passar por uma situação parecida. No fim do mes de Agosto nasce minha Maria Eduarda, já chamada de "Duda"; e foi decidido entre eu e a mãe, que não estamos juntos, que a Duda ficará comigo, devido à alguns problemas com a mãe. Ela irá amamentar e logo após esse período, seremos apenas eu e Maria Eduarda. Estou muito ansioso e feliz, mas confesso quecommedo não estou. Tenho muita fé que tudo dê certo. Abraços.

P.S. Parabéns pelo Blog

Ministério da saúde disse...

Olá, papai!

Você pode ajudar o Brasil a continuar livre da poliomielite! Ajude a divulgar informações aos papais e mamães, para que eles não se esqueçam de levar seus filhos menores de cinco anos para tomar a segunda dose contra a paralisia infantil, no próximo dia 14. Essa simples atitude faz com que as crianças do nosso país estejam protegidas de uma grave doença.

Caso tenha interesse em ajudar a divulgar a Campanha Nacional de Vacinação Infantil, e para obter mais informações ou materiais da campanha - como o filme e banners -, entre em contato com comunicacao@saude.gov.br

Obrigado por sua colaboração!
Ministério da Saúde

Fênix76 disse...

Parabéns pelo Blog , muito legal !!!

Patricia Assis disse...

ADOREI!

Simone Collet disse...

q lindo esse post, me emocionei aqui. A Bia nao tem NENHUM contato com o pai, ele nao procura, nao quer ver.. triste né. Fico imaginando se um dia ele vai se sentir pai, querer ser pai.. PARABENS pra vc! tem cara d se super pai

Anônimo disse...

Achei esse espaço por acaso e gostei muito...espontâneo e caloroso. Grande abraço, passarei por aqui mais vezes.

Anônimo disse...

Parece pra c... com a minha história. Muito bom, parabéns!

Kassia Hanna Fernanda disse...

Estou encantada com o seu blog, tenho 23 anos e cresci sem pai, não ele não morreu, na verdade ele mora a 2 quarteirões da minha casa, mas ele optou por me patrocinar ao invés de conviver comigo, parabéns.