PREFÁCIO

Quando me separei, em 2005, minha filha tinha apenas um ano e meio. As primeiras postagens falam mais do processo de reconstruir a vida, tanto a vida pessoal quanto a vida de aprendiz de pai sem a presença da mãe. Agora, compartilho algumas descobertas, incertezas, dúvidas e aventuras que aparecem pelo caminho de nós dois. E a cada dia vejo que sou muito sortudo de ter a companhia que tenho.

Bem vindos ao manual do pai solteiro !

segunda-feira, 1 de fevereiro de 2010

DIARIO DE VIAGEM II

Hoje foi tudo lindo, como zune um novo sedã, já dizia o Patu Fu. O dia foi tranquilo. Pouco entramos no mar por conta da maré e da lua cheia. A lua foi a grande estrela da noite. (desculpem, não resisti). Ela estava maravilhosa e imensa. Teve apresentação de uma palhaça na "pracinha" da cidade" que a pequena amou e depois fomos dançar forró, eu e ela.

Nenhum comentário: